Semed realiza capacitação do programa Alfa e Beto para professores da rede municipal de ensino

28/03/2022 - 15:47 Atualizado há 22 horas



Com o objetivo de tornar mais eficaz a alfabetização dos alunos do Ensino Fundamental de São Cristóvão, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) reúne professores do ensino infantil desta segunda-feira (28) até a próxima quinta-feira (31), no Sergipe Parque Tecnológico (SergipeTec), para uma capacitação sobre o Programa Alfa e Beto, que visa elevar a qualidade da alfabetização através de estratégias lúdicas de ensino.

 

O treinamento terá a duração de 16 horas, com horários alternados entre os professores e conta com a participação do coordenador do Instituto Alfa e Beto (IAB), Fábio Juvenal da Silva, um dos facilitadores da capacitação. De acordo com o coordenador, “nós estamos trabalhando os professores através de um material baseado na psicologia da ciência cognitiva, onde nós somos convidados a desenvolver as crianças como um todo, seja na área pessoal, social, psicomotora. Este é o principal objetivo desta fase inicial, da pré-escola, que é o da criança aprender brincando e brincar aprendendo, isso através do lúdico”, explicou.

 

Fábio Juvenal da Silva, coordenador do Instituto Alfa e Beto (IAB)

 

O coordenado do IAB reforça que a capacitação é o momento em que os professores são apresentados ao material, à forma de trabalho e à importância do currículo baseado em evidências científicas. “Toda a rede de São Cristóvão recebeu esse material estruturado, que dá condições para o professor desempenhar um bom trabalho no município. Um material para além dos livros, pois o nosso objetivo é que estas crianças cheguem ao primeiro ano do Ensino Fundamental com uma base bem construída e bem edificada”.  

 

Momento em que os professores são apresentados ao material e à sua utilização

 

Para a coordenadora da equipe de formação da Semed, Analine Soares “o programa facilita o aprendizado do aluno com a questão fonética, sonora e assim eles aprendem a ler e escrever de uma maneira diferente e lúdica, sempre respeitando a faixa etária e as particularidades de cada aluno. Partimos do princípio de que toda brincadeira traz um aprendizado e as que promovemos em sala de aula devem agregar à leitura e ao conhecimento”, afirmou.

 

Analine Soares, coordenadora da equipe de formação da Semed

 

Meire Siqueira é professora do ensino infantil há mais de 30 anos e considera a iniciativa como uma oportunidade de enriquecer o conhecimento dos alunos, pois oportuniza tempo para elaborarem outros materiais importantes no reforço ao processo de ensino e aprendizagem. “Esse vasto material em mãos facilita no desenvolvimento dos alunos, para que eles tenham uma leitura fluida e uma ampla compreensão textual e eu ainda consigo otimizar meu tempo e elaborar outras atividades importantes para complementar o conhecimento deles ”, enfatizou a professora.  

 

Meire Siqueira, professora da rede municipal de São Cristóvão

 

Sobre o Programa Alfa e Beto e os materiais disponibilizados

 

O programa faz parte de uma iniciativa federal, cujo intuito vai além da entrega dos materiais, pois tem o objetivo de introduzir os alunos no universo das letras de uma forma que eles compreendam bem o uso dos fonemas. Através do programa os professores podem elaborar as aulas com o uso de fantoches, cartelas e cartazes contendo as letras do alfabeto, todas ilustradas, manual da consciência fonêmica, dentre outros materiais importantes no desenvolvimento da leitura.

 

Professora do ensino infantil recebendo o material do Programa Alfa e Beto

 

Material lúdico utilizado no ensinto infantil

 

Fotos: Dani Santos