Projeto da Prefeitura de São Cristóvão conquista Prêmio inovaCidade 2024

16/04/2024 - 18:47 Atualizado há 2 horas



A Prefeitura de São Cristóvão tem buscado investir cada vez mais em iniciativas tecnológicas que tem o objetivo de modernizar o município em vários aspectos. Um destes projetos é o sistema de reconhecimento facial nas escolas da Rede Municipal de Ensino, que foi implantado em 2023 e desde então tem contribuído na rotina das escolas. Nesta semana, pela execução eficaz desta iniciativa, o município conquistou o Prêmio inovaCidade 2024.

 

O  Prêmio inovaCidade é o reconhecimento do Instituto Smart City Business America às iniciativas que contribuem para a melhoria da qualidade de vida nas cidades. Em 2024 foram 128 inscrições, sendo selecionados 43 projetos e iniciativas com impactos positivos, mensuráveis e reconhecidos pela sociedade, realizados pela administração pública, iniciativa privada e Entidades da Sociedade Civil.

 

Os premiados serão agraciados durante a Abertura Oficial do Smart City Business Brazil Congress 2024, no dia 14 de maio de 2024.

 

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Josenito Oliveira, o prêmio é um reconhecimento externo do esforço e sucesso da gestão municipal em promover a inovação tecnológica. "Ao adotar tecnologias inovadoras como o reconhecimento facial, o município demonstra seu compromisso com a modernização e melhoria contínua das práticas educacionais, em busca de uma Cidade cada vez mais Inteligente. Ao receber o prêmio, o município ganha visibilidade nacional e até mesmo internacional, o que pode atrair a atenção de investidores, empresas e talentos que buscam locais inovadores para estabelecer negócios e parcerias, podendo impulsionar o desenvolvimento econômico local".

 


Secretário de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Josenito Oliveira

 

O Projeto

 

O sistema de reconhecimento facial tem o objetivo de controlar a frequência escolar, promover uma maior comunicação com as famílias dos alunos e até diminuir o desperdício de merenda. Com recursos próprios, a Secretaria Municipal de Educação (Semed) investiu ao todo R$ 639 mil, para que o sistema fosse implantado em todas as escolas da Rede. 

 

 

Essa tecnologia permitiu à Secretaria de Educação intervir e mobilizar famílias para garantir a presença dos alunos nas salas de aula, além de integrar informações com programas sociais como o Bolsa Família, alimentação e transporte escolar, gerenciamento de recursos humanos e fornecer dados para o Censo Escolar, exigido pelo MEC. 

 

De acordo com a secretária municipal de educação, Deise Barroso, o sistema não apenas simplifica processos como matrícula online e uso de diário eletrônico, mas também proporciona uma abordagem integrada ao incluir informações sobre alimentação, transporte, frequência dos alunos e comunicação com pais e conselho tutelar. Isso aproxima a Secretaria de Educação das escolas, permitindo uma intervenção mais eficaz para melhorar o processo de ensino-aprendizagem. 

 

"Todos os alunos da rede estão cadastrados no sistema, e cerca de 74,32% registram presença diariamente por meio de reconhecimento facial, com planos de aumentar para 100%. Mais de 4 mil alunos utilizam o sistema, representando cerca de 65% do total de alunos. Até o final do ano letivo, esperamos alcançar 100% de participação, garantindo um controle eficaz da frequência por meio do sistema de reconhecimento facial". 

 

Secretária municipal de educação, Deise Barroso

 

 

Fotos: Heitor Xavier