Alunos da Rede Municipal de Ensino participam de provas do Saese

19/10/2021 - 14:46 Atualizado há 1 dia



Entre os dias 18 e 29 de outubro, os alunos do 2º, 5º e 9º anos da Rede de Ensino de São Cristóvão participarão das provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica de Sergipe (Saese). Em consonância com o Programa Alfabetizar pra Valer, o Saese se classifica como um processo de análise do nível educacional dos estudantes sergipanos, numa parceria entre a Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc) e as demais Secretarias Municipais de Ensino de todo o Estado.

 

 

Segundo dados da Seduc, a prova do Saese avaliará a alfabetização e a aprendizagem em Português e Matemática, incluindo o aprendizado adquirido em período de ensino remoto. A aplicação do Saese ficará a critério da Fundação Cesgranrio. “Sergipe foi o vigésimo estado brasileiro a implantar um Sistema de Avaliação próprio. Por conta da pandemia, os instrumentais não foram aplicados em 2020. O Saese faz parte da Meta sete do Plano Nacional de Educação e do Plano do Governo de Sergipe para a Educação proposto para o quadriênio 2019–2022, e seus resultados irão gerar o Índice de Desenvolvimento da Educação de Sergipe (Idese), que subsidiará outros indicadores na composição do ICMS- Social, além de servir como base para projetos e programas educacionais baseados em evidências”, explicou o secretário estadual de educação, Josué Modesto dos Passos Sobrinho*.

 


Segundo a coordenadora pedagógica do município, Deise Barrosos, nos dias das provas do Saese, os alunos que não farão as avaliações estarão em atividade remota em suas residências, deixando o espaço da escola apenas para quem vai participar. “O resultado do Saese será importante, pois vai possibilitar com que a Secretaria Estadual de Educação faça projetos, programas educacionais, etc. Em São Cristóvão teremos 23 escolas participando desta avaliação, sendo todas aquelas que tenham alunos dos 2º, 5º e 9º anos”, informou.

 

Deise ainda pontuou que este vem sendo o momento ideal para que a Secretaria Municipal de Educação obtenha também um panorama do aprendizado dos alunos sancristovenses. “Teremos, a partir da prova do Saese, um raio-x de como estão nossos alunos, possibilitando inclusive com que tenhamos ferramentas para nos auxiliar em 2022. A partir de tais dados poderemos também formular novas políticas de formação para nossos docentes, de suporte pedagógico para as escolas e de reforço para os estudantes. O Saese acontece num momento muito valioso para a Rede de Ensino de São Cristóvão”, analisou.

 


Primeiro dia

 


Na última segunda-feira, 18, os alunos das escolas Gina Franco, Josinalva Santos da Silva, Carinho e Frei Fernando participaram das avaliações do Saese. Deise Barroso ainda pontuou que o primeiro dia ocorreu muito tranquilamente, com participação maciça de alunos e professores. A coordenadora pedagógica revelou ainda que após o Saese, os alunos da Rede Municipal de Ensino já começarão se preparar para as provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), sendo este parâmetro um contribuidor para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) na avaliação educacional dos alunos.

 

*com dados da Seduc.

 

Fotos: Dani Santos.