Ver e Viver: Prefeitura de São Cristóvão entrega óculos para alunos da Rede Municipal de Ensino

01/03/2024 - 23:29 Atualizado há 3 horas



A Prefeitura de São Cristóvão, através da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e em parceria com diversas empresas e organizações, realizou nesta sexta-feira (01), no Auditório do Paço Municipal, a entrega de óculos para 45 alunos matriculados em quatro escolas da Rede Municipal de Ensino. A ação faz parte do projeto "Ver e Viver", que tem o objetivo de ofertar correção visual e atendimento oftalmológico para as crianças e jovens da rede pública. 



Atualmente, São Cristóvão é o único município em Sergipe a ser contemplado pela iniciativa. Foram 609 alunos das escolas EMEF Claudio Meireles, EMEF Cleodice Araújo, EMEF Tia Aidee e EMEF Antonio Carlos Leite Franco que passaram pela triagem realizada pelos educadores nas próprias escolas. Posteriormente, 85 destes alunos foram encaminhados às consultas oftalmológicas e 45 terão correções visuais realizadas através da entrega de óculos de grau.

 


45 alunos foram contemplados pelo projeto 

 

Durante o evento, o prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana, enfatizou a importância do projeto "Ver e Viver" para a comunidade escolar. "Este é um momento de grande significado para nossa cidade. Ao entregarmos estes óculos, não estamos apenas corrigindo a visão de nossos alunos, estamos investindo em seu futuro. A educação é a base da sociedade, e é nosso dever garantir que cada criança tenha as ferramentas necessárias para alcançar todo o seu potencial. Quero agradecer a todos os envolvidos neste projeto e reafirmar nosso compromisso com a educação cada vez mais inclusiva em nossa cidade".


Prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana

 

De acordo com a secretária de educação, Deise Barroso, o projeto é fundamental para que os alunos possam superar as dificuldades enfrentadas em sala de aula em decorrência dos problemas de visão. "Hoje são 45 alunos que estão corrigindo a dificuldade visual, para que possam aprender bem. É importante ter não só uma escola bonita, não somente um professor bom, mas também o aluno que está preparado como um todo para aprender, e agora eles estão. O município já tem escola adequada, já tem a merenda escolar, e tem alunos prontos para aprender com a questão visual corrigida através dos óculos", destacou. 

 


Secretária de educação, Deise Barroso

 

Deise também reforçou que inicialmente foram atendidas as escolas que estão situadas em locais mais distantes, como é o caso da EMEF Antônio Carlos Leite Franco, no povoado Cardoso, mas a perspectiva com a parceria é que todas as escolas da rede municipal sejam contempladas, tudo isso sem custos para o município. 



Responsável pela mediação entre a Prefeitura de São Cristóvão e os parceiros, o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Josenito Oliveira, também esteve presente no evento. “Ver essas crianças aqui recebendo os óculos me deixa bastante feliz. São pra elas que nós fazemos esse trabalho de doação. Esse é um projeto que é feito a várias mãos, que dialoga diretamente com o projeto de gestão do prefeito Marcos Santana, que é de melhorar a vida das pessoas desse município. Minha palavra é de gratidão, de agradecimento aos parceiros em nome da Prefeitura e desses jovens que estão aqui sendo contemplados com esse projeto, que são o futuro do nosso Brasil”. 

 


Secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Josenito Oliveira

 

Parceiros

 

A iniciativa conta com a importante parceria da Vision for Life, braço social da Essilor, uma multinacional francesa que é líder mundial na fabricação de lentes para óculos. A entidade tem o propósito de corrigir 2,5 bilhões de pessoas ao redor do mundo, com essa proposta de trazer uma melhor qualidade visual, consequentemente também uma melhor qualidade de vida para essas pessoas. O gerente da regional Nordeste, Antônio Neto, destacou o impacto que o projeto trará para as crianças sancristovenses. “A partir do momento que a gente consegue ofertar para esse público infantil, que vai ser o futuro do nosso país, da nossa cidade, do nosso estado, uma melhor correção visual, a gente permite a eles o melhor desenvolvimento escolar, e, consequentemente também, com essa correção visual conseguimos proporcionar uma melhor qualidade de vida”.

 

Gerente da regional Nordeste da Essilor, Antônio Neto

 

Outra empresa parceira fundamental nesse processo foi a Visolab. Ela foi a responsável pela produção das lentes utilizadas pelos alunos. Antônio Alves, reafirmou o compromisso da introdução em prol da população que mais precisa. “A nossa empresa tem a missão de erradicar a deficiência de visão que possa ser resolvida através dos óculos, sempre destinando esse serviço para as pessoas com baixo poder aquisitivo. Nós escolhemos as parcerias, fabricamos os óculos e fazemos essa doação para as crianças, sempre com muito prazer, porque sabemos a importância disso para elas”. 

 

Antônio Alves, representante da Visolab

 

O Rotary Club Aracaju Norte também se juntou ao projeto, sendo o responsável pela parte logística da iniciativa. Ruy Carvalho, representante da instituição declarou que “existe uma vontade de ajudar essa juventude para que tenham uma vida melhor e esse é o trabalho do Rotary. Estamos fazendo essa entrega aqui hoje e queremos dar continuidade em todas as escolas do município”. 

 

Ruy Carvalho, representante do Rotary Club Aracaju Norte

 

Responsável pela realização dos exames nos alunos, a oftalmologista e ex-presidente da Sociedade Sergipana de Oftalmologia, Denise Barroso, explicou que durante o processo, as crianças são submetidas a exames que avaliam acuidade visual, medida da pressão ocular e fundo de olho. Para ela, “é de suma importância esse processo todo de educação principalmente do cuidar dos olhos. Então, além da consulta, eu acho muito importante a gente ensinar essas crianças, ensinar os pais das crianças que existe o órgão do sentido que dá acesso ao mundo, que é a visão”, complementa. 



Oftalmologista e ex-presidente da Sociedade Sergipana de Oftalmologia, Denise Barroso

 

Alunos contemplados

 

Moradora do Conjunto Madalena de Góes, Jussara Santos de França é mãe de Nilson Miguel, aluno da EMEF Antônio Carlos Leite Franco e um dos contemplados com o projeto. Ela elogiou não só a iniciativa, mas também todo o cuidado das equipes durante o processo. “Para mim, é muito importante porque somos de família simples e não tinha condições de pagar uma consulta e comprar os óculos nesse momento. Toda equipe foi muito paciente com as crianças, e agora com os óculos meu filho vai poder enxergar melhor e aprender mais na escola. Só tenho a agradecer”.  

 


 Nilson Miguel e Jussara Santos de França

 

Aluna da EMEF Cláudio Meireles, Sofia Correia também foi contemplada pelo projeto. “Agradeço ao prefeito Marcos e a todos do projeto Ver e Viver pela oportunidade, porque  muitas mães não conseguem comprar os óculos para os seus filhos, e também pela oportunidade que ele deu aos alunos, pois muitos não conseguem estudar e aprender por causa da dificuldade na visão, mas agora vai ficar tudo melhor para nós”. 

 


Sofia Correia

 

A entrega dos óculos contou com a presença dos vereadores Edson Pereira, Rafael do Sucatão, Fabinho Cristo Rei, além de secretários e servidores municipais, e pais de alunos. 



 

Fotos: Heitor Xavier