Sessão Especial na Alese comemora 13 anos de reconhecimento da Praça São Francisco como Patrimônio da Humanidade

24/08/2023 - 19:52 Atualizado há 1 dia



 

Nessa quarta-feira (23), na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) aconteceu uma sessão especial em comemoração aos 13 anos de reconhecimento da Praça São Francisco como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. O evento contou com a participação de diversas autoridades e membros da sociedade, destacando-se a participação do Samba de Coco da Ilha, uma manifestação da cultura popular, tradicional do povoado Ilha Grande.

 

Durante a cerimônia, o prefeito Marcos Santana destacou a importância da Praça São Francisco para a identidade do município e fez questão de mencionar a relevância do título que reconhece o valor cultural e histórico do local. 

 

 

Prefeito Marcos Santana

 

 

"É com grande satisfação que celebramos os 13 anos do reconhecimento da Praça São Francisco como Patrimônio da Humanidade. Mas saliento que não é uma conquista de São Cristóvão, é uma conquista de Sergipe e do Brasil. Não considero como uma homenagem, mas um momento pedagógico que deve ser lembrado a cada ano. Pois esta é uma conquista que apenas 23 municípios no Brasil conseguiram e nós temos o compromisso de preservar e fazer perpetuar esse título", destacou o prefeito. 

 

O deputado estadual Paulo Júnior, responsável por presidir a sessão, afirmou que esta foi uma maneira de reforçar o compromisso com a preservação da memória e cultura da cidade. "Propomos a realização desta sessão especial, como um momento em que os representantes do estado se congratulam com os sancristovenses, além de homenagear cada um que participou efetivamente da campanha da chancela", afirmou.

 

 

Paulo Júnior, deputado estadual 

 

 

 

Outras autoridades e a valorização do patrimônio

 

Quem esteve presente na sessão foi o vice-reitor da Universidade Federal de Sergipe (UFS), Rosalvo Ferreira Santos. Ele destacou que,  "é de suma importância para a universidade, que fica em São Cristóvão, estar presente na cerimônia, reconhecendo o valor do monumento e de todos os que fazem parte da gestão municipal. O prefeito tem executado um trabalho exemplar, construindo parcerias que beneficiam a todos, sobretudo nas áreas de pesquisa e extensão", disse. 

 

 

Rosalvo Ferreira Santos, vice-reitor da UFS

 

 

Como representante do Governo de Sergipe, Antônia Amorosa, presidente da FUNCAP, destacou que a Praça São Francisco é um símbolo de identidade para o povo sergipano. "A Praça São Francisco é o marco  zero na história de Sergipe, tanto na perspectiva cultural, quanto política e coloca Sergipe no cenário mundial. Nós que fazemos o Governo estamos muito felizes por fazermos parte desta celebração da nossa cultura e história", frisou.  

 

 

Antônia Amorosa, presidente da FUNCAP 

 

 

Adailton Andrade, presidente da Confraria Sancristovense de História e Memória,  reforçou a informação de que o título foi marcado pela união de esforços de muitos sancristovenses. "Nesses 13 anos de chancela é importante dar voz para todos os que conquistaram esse título, pois este, foi fruto de uma engrenagem, de um grupo que não pode ser esquecido, a exemplo do historiador Thiago Fragata, do ex-governador Marcelo Déda, do Iphan Nacional, entre outros que abraçaram e lutaram por este reconhecimento", avaliou. 

 

 

Adailton Andrade, presidente da Confraria Sancristovense de História e Memória

 

 

Um dos sancristovenses que à época representou a luta pelo título foi o historiador Thiago Fragata. Ele ressaltou a importância da gestão compartilhada entre os três poderes, "para manter viva a memória e a informação de que São Cristóvão tem uma Praça considerada patrimônio mundial. O deputado está de parabéns pela propositura desta lembrança e que a juventude absorva essa importância", pontuou. 

 

 

Thiago Fragata, historiador 

 

 

O evento ainda contou com a presença de secretários municipais,  alunos da Emef Martinho Bravo, representantes da sociedade civil, dos vereadores Edson Pereira, Rafael do Sucatão, Fabinho Cristo Rei, ítalo Macário, Thiago Correia, Joca e outros parlamentares, todos enfatizando o compromisso da comunidade em preservar e valorizar a Praça São Francisco como um patrimônio cultural e histórico de grande importância.

 

 

 

 

Fotos: Dani Santos