Equipes da prefeitura se reúnem para a apresentação do Plano Local de Habitação de Interesse Social

05/07/2023 - 17:45 Atualizado há 5 horas



 

Na manhã desta quarta-feira (05), ocorreu uma importante reunião de apresentação do Plano Local de Habitação de Interesse Social (PLHIS) em parceria com a M&C Engenharia, empresa vencedora do processo licitatório. Essa iniciativa da prefeitura de São Cristóvão reafirma o compromisso com o bem-estar e a melhoria da qualidade de vida da comunidade, buscando soluções efetivas para a questão habitacional, especialmente para as famílias em situação de vulnerabilidade social. Essa reunião marca mais um passo significativo na construção de um plano que promoverá moradias dignas e oportunidades para aqueles que mais necessitam.

 

O Plano Local de Habitação de Interesse Social é um instrumento de planejamento que busca promover o acesso à moradia adequada, identificando as necessidades habitacionais, estabelecendo metas e ações para suprir essas demandas. Por meio da análise da situação habitacional, são definidas estratégias para a construção, requalificação ou regularização de moradias de interesse social, visando atender a população de baixa renda ou em situação de vulnerabilidade social.

 

Vera Lúcia Alves, colaboradora da M&C Engenharia, declara que o plano é um instrumento muito importante para as cidades brasileiras, pois elas apresentam muitos problemas urbanos, sendo um deles a moradia, obtendo um déficit habitacional muito acentuado, onde há famílias que não têm onde morar ou famílias que moram precariamente.

 

 

Vera Lúcia Alves, colaboradora da M&C Engenharia

 

 

“Esse plano vai desenvolver estratégias e ações para minimizar os problemas dessas famílias, seja com construções de novas moradias, seja com a dotação de equipamentos de infraestrutura para melhorar as condições de moradia, pois sobre moradia a gente entende como algo mais amplo, não é apenas a casa em si, mas também todo seu entorno como a existência de transporte para possibilitar a mobilidade da população, a pavimentação ou se há serviços públicos para atender as necessidades dessa população, como saúde e educação, por exemplo”. 

 

De acordo com o secretário da Infraestrutura do município, Júlio Júnior, essa construção trará uma série de benefícios para a comunidade: acesso à moradia digna, redução do déficit habitacional, planejamento urbano sustentável e fortalecimento da participação social. “A nossa expectativa é que surja um produto muito importante para que a gente aplique os nossos fluxos de investimentos de forma direcionada, de forma efetiva para resolver uma problemática que temos aqui, que é o déficit habitacional. É um produto que, sem dúvidas, trará frutos para a nossa comunidade”. 

 

 

Júlio Júnior, secretário da Infraestrutura 

 

 

Tratando-se da participação social, a secretária da Assistência Social do município, Lucianne Rocha, acredita que o plano é uma forma democrática de trabalho, visto que é pensado em ouvir a população, convidá-la para participar e opinar. Ela afirma que a participação da equipe de Assistência Social nesse projeto é de extrema importância, afinal, são os assistentes sociais que sabem e veem os anseios da sociedade e que são cruciais para identificar as demandas e necessidades da população do município. “O plano a partir do momento que é um instrumento democrático de diálogo com a população, ele é um instrumento técnico que vai subsidiar de diversas informações como também é uma estratégia importante de captação de recursos; e para dar resposta a uma política como essa, é preciso acessar recursos em diversas instâncias e ter um plano, é dizer que está apto e está preparado para resolver diversas situações”. 

 

 

Lucianne Rocha, secretária da Assistência Social 

 

 

Além da equipe da infraestrutura e assistência social, estava presente na reunião equipes do meio ambiente, saúde, defesa social e outros setores. Essa união entre os variados setores da gestão municipal proporciona uma visão holística e enriquece o PLHIS, garantindo que as necessidades habitacionais sejam abordadas de maneira abrangente e que as soluções propostas sejam mais efetivas. 

 

 

A reunião aconteceu na Sala de Reuniões do gabinete do prefeito 

 

 

Fotos: Heitor Xavier