Coronavírus: Prefeitura fiscaliza em média 125 estabelecimentos por semana

28/05/2020 - 15:38 Atualizado há 1 dia



 


A Prefeitura de São Cristóvão, por meio da Coordenadoria de Vigilância Sanitária, tem mantido uma intensa fiscalização nos estabelecimentos da cidade durante a pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). As ações têm passado por em média 125 estabelecimentos do município por semana, verificando se há nestes locais o cumprimento do que determina o decreto municipal que visa prevenir a população sobre a proliferação do vírus.

 

As fiscalizações acontecem todos os dias, no comércio, locais onde são encontradas aglomerações e nas feiras livres, contando com o apoio da Policia Militar, Superintendência Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT/SC) e da Secretaria Municipal de Agricultura, Meio Ambiente e Pesca (Semap). Nesta quarta-feira (27), as equipes se dividiram novamente em grupos que se deslocaram para o Grande Rosa Elze e região do Centro Histórico, buscando coibir infrações que estejam ocorrendo em função do descumprimento do decreto.

 

De acordo com a coordenadora da Vigilância Sanitária, Cátia Patrícia Santos, a atuação do órgão tem sido inicialmente no sentido de conscientizar a população, podendo adotar medidas mais duras dependendo do caso. “Na última semana nós visitamos em torno de 125 estabelecimentos, a maioria que funcionam como comércios, e fizemos algumas notificações. No primeiro momento, a gente orienta sobre o uso da máscara, álcool em gel e o distanciamento, depois retornamos para verificar os locais, que caso estejam descumprindo as orientações, passam a ser notificados sobre a obrigatoriedade de seguir o decreto. Caso exista uma reincidência, nós vamos juntamente com a Polícia Militar para aplicar um termo circunstanciado, que impõe que, se o estabelecimento seguir descumprindo o decreto, suas portas fechadas”, explicou.

 

 

Segundo ela, boa parte dos locais fiscalizados foram denunciados pela própria população, o tem ajudado nesse processo de identificação. “A população está entrando em contato com a Vigilância, nós filtramos essas denuncias e realizamos essas visitas juntamente com a Polícia. Isso é importantíssimo porque nos ajuda a descobrir quais são os locais que estão descumprindo o decreto”, destacou a coordenadora.

 

Denuncie

 

Caso a população queira registrar alguma denúncia com relação ao descumprimento do decreto, deverá entrar em contato com a Polícia Militar (190), ou com Vigilância Sanitária Municipal por meio do 98849-2724, que funciona como Whatsapp.

 

Fotos: Heitor Xavier