Readequação da EMEF Raimundo Francisco dos Santos está em fase de conclusão

08/06/2020 - 15:52 Atualizado há 3 horas



A Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Raimundo Francisco dos Santos, no bairro Luiz Alves, está em processo de finalização da readequação da parte física. Na manhã desta segunda-feira, 08, o prefeito Marcos Santana e a secretária municipal de educação, Quitéria de Barros, estiveram conferindo os últimos ajustes da manutenção do prédio.

No local, a Prefeitura de São Cristovão, através da Secretaria de Educação, vem realizando serviços de: instalação de forro, instalação de esquadrias de blindex, instalação da bancada de mármore dos banheiros, instalação de grades de proteção (janelas e ar condicionados), climatização das salas de Aula e diretoria, revisão hidráulica, revisão elétrica, requalificação de espaços, revisão no Telhado (substituição de telhas e calha), revestimento cerâmico em toda a escola e revisão nas das esquadrias de madeira e ferro.

 

Marcos Santana

 

“Essa é a 15ª escola que estamos finalizando a readequação pra entregar à comunidade. Tínhamos aqui um prédio totalmente inadequado tanto esteticamente quanto do ponto de vista da funcionabilidade. Era uma escola sem claridade natural. Agora temos uma escola mais iluminada, arejada, com salas climatizadas. Antes mesmo dessa entrega, os pais de alunos já percebem a importância deste equipamento, que vem sendo readequado pensando justamente no bem-estar de quem usa, ou seja, alunos e profissionais. Estamos muito satisfeitos com o resultado do que encontramos, pois vem cumprindo um padrão que estabelecemos em todas as nossas unidades escolares. Agora vamos esperar passar a pandemia pra gente entregar à população, fazendo assim com que a criançada faça bom proveito disso aqui”, disse o prefeito Marcos Santana, durante a visita.

 

A readequação está acontecendo enquanto os alunos estão em período em quarentena, com as aulas suspensas no prédio, devido ao covid-19. A manutenção, orçada em R$ 252 mil (R$ 220 em readequação e R$ 32 de equipamentos) tem previsão de entrega para as próximas semanas. A escola atende em média 270 estudantes.

Quitéria de Barros

“Com esta readequação nós aumentamos mais duas salas, ampliando assim a oferta de ensino para aquela região. A escola ficou linda, e transformamos um espaço que antes era praticamente insalubre numa escola arejada, com áreas abertas, pra facilitar a circulação do ar. Criamos áreas para que as crianças se locomovam com mais facilidade, também deixamos o refeitório mais claro, facilitando a visibilidade dos alunos”, contou a secretária municipal de educação, Quitéria de Barros.

Fotos: Heitor Xavier.