UBS Jairo Teixeira realiza ação de prevenção à saúde no centro comercial de São Cristóvão

09/02/2024 - 14:21 Atualizado há 3 horas



Nesta quinta-feira (08), a Secretaria Municipal de Saúde de São Cristóvão, através da Unidade Básica de Saúde (UBS) Jairo Teixeira, realizou uma ação de prevenção à saúde no calçadão da rua Pedro Pereira Prado, no centro comercial do município. Aproveitando o período que antecede carnaval para alertar a população, o evento ofertou testes rápidos para Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), vacinação, aferição de pressão arterial e glicemia, orientações para o uso de preservativos, informações para prevenção do câncer de boca e palestra com o Dr. Almir Santana.

 

 

A equipe da UBS mensalmente trabalha temas alusivos à prevenção e pensou em levar, dessa vez, os serviços e a educação em saúde para as ruas, para acessar a comunidade fora da unidade. Segundo a gerente da UBS Jairo Teixeira, Jane Correia, é nos ambientes de passagem diária da população que os profissionais têm mais facilidade em abordar os moradores para dialogar sobre alguns cuidados com a saúde.

 

 

“Pensamos em juntar a equipe em um lugar onde pudéssemos trazer o tema de prevenção, além de trazer vacinas, testes rápidos, ver como está a pressão, glicemia. E não somente isso, mas que muitas pessoas às vezes não sabem como fazer uso do preservativo, então nós também trouxemos esse ensinamento para a população. Parece comum, parece fácil, mas nem sempre é para eles. Foi um momento de trazer atendimento para mais perto da nossa população e aproveitar para atraí-los para ir à unidade, se cuidar, principalmente os homens, que são bem mais difíceis de conseguir levar até uma UBS”, explica Jane.

 

Jane Correia, gerente da UBS Jairo Teixeira

 

O Núcleo de Educação Permanente em Saúde também esteve presente na ação, com a intervenção de Ewertton Nunes, que convidou a população na rua para participar dos serviços em saúde. Para ele, o carnaval é uma festa de grande circulação, por isso é importante ter vários cuidados e entender sobre a saúde sexual, como se prevenir e se cuidar melhor.

 

“É importante para que a gente não tenha, por exemplo, problemas posteriores à folia. Aqui fizemos uma ação integrada e vemos uma força muito grande. Viemos ao calçadão pra justamente ficar mais perto das pessoas e fazer com que elas se conscientizem. Fazendo o serviço para a população, entendemos que somente com educação se consegue fazer o processo de minimizar os impactos da saúde. Eu acho que esse é o lugar, a prefeitura sempre perto da população, tentando trazer o serviço para perto e mostrando que de fato nos preocupamos com os nossos usuários no Sistema Único de Saúde”, ressalta Ewertton.

 

Ewertton Nunes, membro do Núcleo de Educação Permanente em Saúde

 

A ação também contou com a presença do médico Dr. Almir Santana, conhecido por ser responsável pelo programa IST/AIDS no estado de Sergipe e ser o primeiro a tratar e informar sobre a infecção no estado. Unindo forças com a UBS para conscientizar a população sancristovense, ele destaca que é muito interessante aproximar a unidade de saúde ao público dessa forma.

 

“Foi um local estratégico e muito interessante para realizar a ação. Está de parabéns a Secretaria Municipal de Saúde, pois partiu da unidade básica de saúde a ideia de que é preciso ir para a comunidade e buscar pessoas que estão no seu lugar para a oferta dos testes. Nota dez para essa unidade”, anima-se o médico.

 

Dr. Almir Santana, médico. (Foto cedida por Ewertton Nunes)

 

Rinaldo Santos Fonseca, usuário do SUS São Cristóvão, participou da ação e aproveitou para checar seus índices de saúde: “Fiz todos os tipos de exames. Quando estamos fazendo nossos exames, estamos cuidando da saúde. E é muito bom encontrar essa possibilidade com facilidade na rua”.

 

Rinaldo Santos Fonseca, usuário do SUS São Cristóvão

 

Ana Xavier foi outra moradora que aproveitou a oportunidade para cuidar da saúde da sua neta e levou-a para atualizar seu cartão de vacinação. “A vacina é muito importante para proteger a saúde dela. Principalmente porque ela vai fazer uma cirurgia, aí tem que estar preparada. Ela é sensível com a imunidade, então a vacina tem que estar em dia”, relata.

 

Ana Xavier e sua neta, usuárias do SUS São Cristóvão

 

Fotos: Dani Santos e Ewertton Nunes