Projeto Música nas Igrejas retoma atividades com Coral Vox Populi em São Cristóvão

25/04/2022 - 13:51 Atualizado há 10 horas



 

O Projeto Música nas Igrejas retomou as atividades neste sábado (23) em São Cristóvão com a apresentação do Coral Vox Populi na Igreja Nossa Senhora da Vitória, localizada no Centro Histórico de São Cristóvão. O projeto é desenvolvido pela Fundação de Cultura e Turismo João Bebe Água (Fumctur) e busca levar apresentações musicais às Igrejas do município.

 

 

 

 

“O projeto retornou depois de dois anos de parada por conta da pandemia. A ideia do projeto é levar música clássica e erudita à população de forma acessível, garantindo acesso à cultura”, explicou Paola Santana, presidenta da Fumctur.

 

Segundo Jairo Melo, Regente do Coral Vox Populi, primeiro grupo convidado a se apresentar na retomada do projeto, tem o objetivo de difundir e fomentar o movimento coral e despertar o gosto pela arte do canto coletivo.

 

 

 

“Passamos dois anos parados e agora estamos retomando nossas atividades. Esse é mais um espaço que temos para difundir o movimento coral, pois estamos recomeçando e precisamos de espaços para cantar. Graças a Deus esses espaços estão surgindo e como nosso coral tem um repertório mais voltado para música sacra, nada melhor que uma Igreja para nós recomeçarmos as nossas atividades”, afirmou o Regente.

 

 

 

Estiveram presentes jovens, adultos e idosos que prestigiaram o repertório composto por seis músicas regidas por Jair Melo e acompanhadas pelo pianista Sérgio Lessa. “O coral estava muito bom, bonito e bem apresentado. Tudo que acontece na Igreja e para Deus é muito bom, principalmente quando tem música”, afirmou Maria Elenita Santos, moradora de São Cristóvão.

 

 

Maria Elenita Santos, moradora de São Cristóvão

 

O coral Vox Populi, fundado em 2006 pelo Maestro Prof. Jairo Melo e o Coralista (Tenor) José Augusto de Andrade, é formado por cantores amadores que se dedicam ao canto coral e conta atualmente com 20 componentes distribuídos em cinco sopranos, cinco contraltos, cinco tenores e cinco baixos.  

 

 

 

 

“Foi uma apresentação muito boa, um coral muito bem preparado com vozes bem distribuídas. É algo bastante necessário precisamos prestigiar, espero que tenha mais vezes”, afirmou Mateus Maia, morador de São Cristóvão.

 

 

Mateus Maia, morador de São Cristóvão

 

 

O Projeto Música nas Igrejas prevê uma apresentação a cada mês. A edição de maio está prevista para dia 07, também na Igreja Nossa Senhora da Vitória.

 

 

Fotos: Dani Santos