Pontos turísticos estão sendo reabertos em São Cristóvão

06/08/2021 - 16:34 Atualizado há 10 horas



Com as ações tomadas pela Prefeitura de São Cristóvão, e atendendo aos protocolos de segurança contra a Covid-19, como disponibilização de álcool em gel, uso de máscaras e distanciamento social, o fluxo turístico na Cidade Mãe vai retornando a sua normalidade. Por meio da Fundação Municipal de Cultura e Turismo João Bebe Água (Fumctur), a reabertura das igrejas, museus e demais atrativos turísticos e culturais de São Cristóvão já é uma realidade. A gestão municipal também vem investindo no trabalho de monitores, dentro dos equipamentos turísticos, para informar aos visitantes sobre a história patrimonial e cultural da cidade.


Segundo Paola Santana, presidenta da Fumctur, todo o processo de retomada do turismo do município esteve atrelado à diminuição da incidência da Covid-19 na cidade. “A pandemia ainda não está estável, mas chegou a um patamar em que se faz necessário com que as pessoas voltem a fazer as suas atividades, até mesmo como forma de manutenção da saúde mental. Então neste momento estamos fazendo o que acontece hoje nas demais cidades turísticas brasileiras, que é a retomada das atividades, porém, de forma segura”, pontuou Paola.

 

Paola Santana, presidenta da Fumctur

 

De acordo com o coordenador de turismo da Fumctur, Kaio Rocha, os monitores, contratados e treinados pela Prefeitura de São Cristóvão, receberam materiais com informações sobre a história dos espaços para os quais eles foram destinados, fazendo com que eles possuam um embasamento teórico no momento em que forem abordados pelos turistas. “Estamos em processo de formação destes monitores, sempre buscando mais detalhes sobre a cidade. São histórias que foram esquecidas ou perdidas ao longo do tempo, mas que estamos buscando resgatar com os nossos historiadores, para passarmos mais e mais dados aos monitores, e que eles repassem essas informações concretas aos turistas”, explicou.

 

Kaio Rocha, coordenador de turismo

 

Segundo Paola Santana, a nossa retomada foi iniciada desde o final de julho, e foi pensada para que em agosto, que é o mês de comemoração da Chancela da Praça São Francisco, a cidade já pudesse receber os turistas, com todos os espaços todos abertos. “Para que os espaços possam funcionar de maneira correta, nós contratamos monitores de nível médio, então os museus voltaram a abrir com esses estagiários. E em parceria com a Arquidiocese de Aracaju também colocamos esses profissionais dentro das igrejas para que possamos receber nossos turistas com todo esse aporte técnico e histórico”, frisou a presidenta da Fumctur.

 

 

Janaina Gabriela Santana, monitora na igreja São Francisco, está encarando a experiência como uma forma de adquirir mais conhecimento sobre as histórias dos espaços da sua cidade. “A experiência está sendo muito boa, além de aprendermos as histórias do nosso patrimônio e de nos comunicarmos melhor, estou também ajudando o turismo do município”, finalizou Janaina.

 

Janaina Gabriela Santana

 

 

 


Confira o horário de funcionamento dos atrativos turísticos


Igrejas
Terça a sexta: 8h às 12h, das 13h às 17h;
Final de semana: 8h às 12h.


Casa do Folclore e Sala dos Saberes e Fazeres
Terça a domingo: 9h às 17h.


Museu Histórico de Sergipe
Terça a sexta: 10h às 16h;
Final de semana: 9h às 17h.


Fotos: Heitor Xavier.