Semed realiza formação técnica do programa Educa + São Cristóvão para professores da Rede Municipal

16/05/2023 - 16:59 Atualizado há 2 dias



 

A Prefeitura de São Cristóvão, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), está realizando durante esta semana um curso de formação do programa Educa + São Cristóvão para os professores do município. O evento de qualificação teve início ontem (15) e vai durar até a próxima sexta-feira (19), na Casa de Formação da Semed. 



As formações referentes ao projeto ocorrem bimestralmente e contam com assessoria da Associação Bem Comum, uma organização cearense com atuação nas escolas desse estado, considerado referência nacional pelos resultados obtidos nos exames de avaliação da educação básica. As formações da associação são destinadas para a equipe técnica da Semed que, posteriormente, compartilha esses conhecimentos com os professores da rede pública de ensino de São Cristóvão. Além disso, o material escolar é todo estruturado, através de livros unificados para toda a rede. 

 

O projeto Educa + também  prevê três tipos de avaliação para os estudantes:  a avaliação de diagnóstico, avaliação formativa e a última avaliação, que é a somativa.  Com o resultado dos testes, a Secretaria de Educação consegue identificar como os alunos chegam à rede municipal, que intervenções são necessárias durante o processo de formação e como esse aluno vai sair da rede. 

 

Com o programa,  o objetivo da gestão municipal é qualificar o processo de aprendizagem e elevar a avaliação dos estudantes do município no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB). Os resultados do programa já podem ser percebidos no desempenho escolar, como destaca a secretária de educação, Deise Barroso: 

 

“No início das aulas, nós tínhamos 14% de alunos  alfabetizados no segundo ano. Agora, com essa segunda avaliação, a gente já passou a ter 20,5% de alunos alfabetizados. É uma conquista, mas eu espero que até o final do ano seja possível alfabetizar todos os alunos”, concluiu. 

 

 

Deise Barroso, secretária de educação

 

 

O tema do curso formativo deste bimestre, segundo a coordenadora de formação da Semed, e facilitadora da qualificação para os professores, Analine Soares, é a fluência de leitura e a intervenção pedagógica em sala de aula: “Os professores estão aprendendo as vivências que ajudam o professor a fazer a ponte com o aluno porque geralmente quando o docente está ensinando, ele percebe quando  os alunos estão com dificuldade, então o professor precisa se posicionar e ver de que maneira ele pode intervir nesse processo”, explicou Analine. 

 

 

Analine Soares, coordenadora de formação da Semed

 

 

A professora Thaynara Oliveira, da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Teresita Paiva Lima, no povoado Pedreiras, ressalta a importância das formações continuadas para os professores, realizadas pela gestão municipal, e segundo ela, esse é um espaço para dividir experiências angústias e desafios. Além disso, a professora celebra os impactos do programa Educa + Brasil sobre os estudantes: 

 

“Eu sou um pouco suspeita para falar sobre o programa, porque sou fã. É muito importante para a  alfabetização e  coloca as crianças em contato com diferentes gêneros textuais, além de trabalhar os diversos eixos da consciência fonológica, que é fundamental para a alfabetização. A partir das formações  são adquiridas habilidades diferentes, para que a gente aprenda diferentes formas de trabalhar com essas habilidades durante o bimestre”, ressaltou. 

 

 

Thaynara Oliveira, professora

 

 

Fotos: Yago Andrade.