Semap leva Programa São Cristóvão Verde para Acampamento Nossa Senhora D'ajuda

10/12/2021 - 16:46 Atualizado há 14 horas



O programa São Cristóvão Verde faz parte das ações da Prefeitura de São Cristóvão, através da Secretaria Municipal de  Meio Ambiente, Agricultura e Pesca (Semap), com o objetivo de colocar em prática o reflorestamento, tão importante para a recuperação de áreas degradadas, manutenção das espécie, além de contribuir para a  transformação do aspecto paisagístico da cidade.

 

O programa encerrou as atividades deste ano na manhã de hoje (10), no acampamento Nossa Senhora D'ajuda, local em que foi realizado o plantio de 50 mudas na área comum dos moradores e mais 20 mudas para serem cultivadas em suas propriedades. Todas doadas pela Companhia de Saneamento de Sergipe (Deso), a principal parceira desta iniciativa. 

 

O coordenador de agricultura e pesca da Semap, Anderson Cardoso, enfatiza que a arborização dos espaços públicos vem acontecendo em todos os cantos da cidade,como ruas, praças e escolas, contudo, o motivo da escolha deste local específico para o encerramento das atividades do ano foi “para atender a uma demanda dos moradores,que inclusive ainda lutam na justiça pela posse da terra e promover uma integração do acampamento em ações junto ao poder público”, pontuou.

 

Anderson Cardoso, coordenador de agricultura e pesca da Semap

 

O programa encerra o ano com o plantio de 540 mudas de diversas espécies nativas, típicas da Mata Atlântica. Dentre as árvores que passaram a integrar a ocupação Nossa Senhora D’ajuda, estão: craibeira, aroeira da praia, bela sombra, ipês e pau-brasil. O plantio teve a participação efetiva da equipe técnica da Semap e de algumas das quase 60 famílias que habitam o local.  

 

Mudas para o plantio no acampamento

 

Contemplados

 

Para Jielza Correia Santos, uma das moradoras do acampamento e integrante da comissão dos representantes da ocupação, o apoio da gestão municipal é de suma importância, principalmente porque não se encerra com o plantio das mudas. Existe um trabalho mais amplo, que consiste na capacitação dos pequenos produtores, que é realizada pela equipe da Semap.

 

Jielza Correia Santos, ocupante

 

“Nós como comunidade de pequenos agricultores, que praticamos a agricultura de sustento, esse momento é muito simbólico, por isso agradecemos à gestão por ter esse olhar humano e atento para as nossas demandas. A prefeitura promove capacitações com os técnicos da Semap , que sempre nos orientam nessa questão de reflorestamento  e no cultivo também. Aprendemos a preservar da maneira correta o que a natureza nos dá, inclusive o uso correto da água”, explicou Jielza. 

 

Para José Roberto Nascimento, presidente da Associação dos Pequenos Produtores do Acampamento, “é uma honra ter esse projeto encerrado aqui onde moramos e eu agradeço a prefeitura pelo trabalho. Agradeço por todo acampamento, pelas famílias presentes e as que não puderam estar aqui. São árvores que crescem rápido e logo teremos beleza, mais lazer e sombra. Isso é muito bom para todos nós”, destacou. 

 

José Roberto Nascimento, presidente da Associação dos Pequenos Produtores do Acampamento

 

Projetos futuros

 

O coordenador da Semap ressalta que as atividades de plantio devem continuar no próximo ano e já existe projeto para duas novas ações que fazem parte do programa, que são: o fortalecimento do Programa São Cristóvão Verde nas escolas e a inserção do projeto Saúde em Mudas, que consiste no cultivo e distribuição de plantas medicinais, com panfletos explicativos sobre as funções e o seu uso.

 

 

 

 

Fotos: Heitor Xavier