São Cristóvão amplia vacinação contra a covid-19 para pessoas com 30 anos ou mais nesta segunda (02)

02/08/2021 - 12:50 Atualizado há 2 dias



 

São Cristóvão amplia a vacinação da população geral contra a covid-19 nesta segunda (2) para as pessoas de 30 anos ou mais. Na terça (3) a vacinação será para as pessoas de 29 anos ou mais. A vacinação inicia nesta segunda (2) às 10h, mas durante toda a semana a vacinação acontece a partir das 9h, pausa às 12h, e retorna a tarde das 13h às 16h.

 

Além disso, a vacinação também foi ampliada para as lactantes com filhos nascidos em março de 2021 (somando-se às lactantes já liberadas, que tiveram filho nascidos em dezembro de 2020, janeiro de 2021 e fevereiro de 2021).

 

Para se vacinar basta apresentar o documento de identidade, comprovante de residência de São Cristóvão, CPF ou cartão SUS.

 

 

 

Confira o calendário – vacinação covid-19 da população geral

 

Segunda (02) – 30 anos ou mais

Terça (03) – 29 anos ou mais

 

 

Confira os pontos de vacinação durante a semana, que funcionam das 9h às 12h e das 13h às 16h (ou até acabarem as doses).

 

 

  1. - UBS Masoud Jalali (Rosa Elze);
  2. - UBS Mariano Nascimento (Rosa Maria);
  3. - Escola Glorita Portugal (Eduardo Gomes);
  4. - UBS Jairo Teixeira (Centro);
  5. - UBS Irônia Maria Aragão (Romualdo Prado);
  6. - UBS Sinval José de Oliveira (São Gonçalo);
  7. - UBS Raimundo Aragão (Divineia);
  8. - UBS Saúde Luiz Alves (Luiz Alves)
  9. - UBS Antônio Florêncio (Tijuquinha)
  10. - Caps João Bebe Água (Rosa Maria)

 

 

Convocação para segunda dose

 

A segunda dose das vacinas contra a covid-19 está garantida em São Cristóvão para todos que tomaram a primeira dose no município. Basta observar o prazo da vacina, tendo em vista que cada laboratório tem um prazo diferente entre as doses e ir a um dos pontos com o cartão de vacinação mais o documento de identidade em mãos.

 

A SMS continua convocando todas as pessoas que tomaram a vacina Astrazeneca até o dia 15 de maio para tomar a segunda dose do imunizante, e reforça que para ficar totalmente imunizado contra o coronavirus é preciso completar o esquema vacinal, ou seja, tomar as duas doses do imunizante para garantir proteção efetiva contra formas graves da COVID-19.

 

 

Foto: Dani Santos