Projeto Aula Digital: profissionais da Semed recebem formação para utilização de aparelhos tecnológicos em sala de aula

11/08/2022 - 16:20 Atualizado há 8 horas



Preocupando-se em promover metodologias mais modernas e atreladas ao uso da tecnologia, a Secretaria Municipal de Educação (SEMED) de São Cristóvão, em parceria com o Projeto Aula Digital, está realizando nesta quinta (11) e sexta-feira (12) uma formação com os profissionais da rede municipal de ensino. A ação desta manhã concentrou-se com os educadores dos 1º ao 3º anos e continuará no dia seguinte com os dos 4º e 5º anos.

 

As ações do Projeto Aula Digital vêm sendo realizadas no município desde 2017, proporcionadas pela ONG Instituto Paramitas juntamente com a Fundação Telefônica Vivo e Fundação Bancária “la Caixa”. Na atividade de hoje, os professores, gestores e coordenadores de 80% das escolas municipais receberam uma formação para uso da maleta digital, que contém tablets e notebooks que servirão no processo de ensino e aprendizagem na Cidade Mãe de Sergipe.

 

 

 

A técnica da Semed e ponto focal do projeto em São Cristóvão, Thays Mara, ressaltou que no início do semestre letivo houve o processo de atualização dos softwares dos equipamentos utilizados com os dados dos novos alunos e turmas, além da equipe da Semed. “Agora nessa formação os professores vão entender como utilizar esses instrumentos de trabalho, além de participarem de uma trilha formativa de forma online para dar continuidade a todo esse processo. A maleta do Aula Digital traz recursos e benefícios para atrair as nossas crianças e diversificar a aprendizagem no dia-a-dia”, explicou.

 

Ana Silva Oliveira é professora, assistente de projetos da ONG Instituto Paramitas e faz parte da gestão do Projeto Aula Digital em Sergipe, e aproveitou para elogiar a parceria com a cidade de São Cristóvão nesse momento de formação presencial pós pandemia. “Nós sentimos a necessidade do encontro ‘olho no olho’ do professor junto com à nossa equipe de formadores, esse e apoio tem sido dado. Inclusive, essa ação é um dos pilares do Projeto Aula Digital. Então, seguimos de mãos dadas para que os nossos professores utilizem essa tecnologia e ela chegue até as crianças, porque esse é o grande objetivo do projeto”, acrescentou.

 

Ana Silva Oliveira, assistente de projetos da ONG Instituto Paramitas e Thays Mara, técnica da Semed

 

Opinião dos professores

 

Para a professora da EMEF Lourival Baptista, Emille Raquel, o Projeto Aula Digital é fundamental para trabalhar as novas tecnologias em sala de aula. “É de suma importância porque a nossa sociedade vem se desenvolvendo cada vez mais e nós precisamos acompanhar essas mudanças socais, e trazer isso para sala de aula é relevante porque envolve muito os alunos e nós também que trabalhamos com metodologias ativas. Então, essa formação é essencial”, disse.

 

Emille Raquel, professora da EMEF Lourival Baptista

 

Edirleyd Mendonça, que também é professora da EMEF Lourival Batista, comentou que mesmo sem muita habilidade com tecnologia, a formação foi necessária para ajudar a entender mais. “Isso está abrindo portas para mim, estou muito interessada em aprender para passar para os alunos, e vou colocar em prática nas próximas aulas”, finalizou.

 

Edirleyd Mendonça, professora da EMEF Lourival Baptista

 

Fotos: Dani Santos