Programa Sergipe Pela Infância é apresentado em São Cristóvão

30/03/2022 - 16:52 Atualizado há 2 dias



Educação, saúde e assistência são os pilares fundamentais para a segurança de um bom desenvolvimento da criança na primeira infância. Para discutir esse tema, ocorreu na manhã desta quarta-feira, no Paço Municipal, a apresentação do Programa Sergipe Pela Infância feita pela vice-governadora do estado, Eliane Aquino, junto à participação do prefeito de São Cristóvão, Prefeito Marcos Santana, secretários e servidores municipais.

 

 

O Programa surgiu a partir da necessidade de ações efetivas na proteção e promoção de direitos da criança no estado de Sergipe. Focando em eixos como “Gestar e Nascer”; “Brincar e Crescer”; e “Desenvolver e Aprender''. Na ocasião, o Prefeito Marcos Santana fez a adesão ao Programa Sergipe Pela Infância a partir da assinatura do termo de acordo que terá a vigência de 12 meses a partir da sua homologação, podendo ainda ser prorrogado a partir de concordância entre ambas partes. 

 

 

De acordo com Marcos, “quando assinamos um convênio como esse, isso nos alegra e nos dá mais responsabilidade em assumir compromissos com a população de São Cristóvão, e além dos deveres que assumimos na primeira gestão e que estamos continuando nesta segunda, nós continuaremos fazendo mais porque São Cristóvão pode mais também”, declarou.

 

Prefeito Marcos Santana

 

A vice-governadora Eliane Aquino ressaltou a importância da participação de Governo e municípios como São Cristóvão em iniciativas voltadas à infância. “É muito difícil ouvir um prefeito falar da forma que Marcos Santana falou aqui hoje. Que com ou sem dificuldades, a capacidade de melhorar os nossos municípios é a que tem mais importância, então parabéns, Marcos, por pensar assim e continue com o bom trabalho que tem feito aqui em São Cristóvão”.

 

Eliane Aquino, vice-governadora de Sergipe

 

A secretária de educação, Quitéria de Barros, apontou o trabalho feito pela atual gestão em políticas públicas e ações feitas no município, como os bons resultados do programa Mães da Cidade Mãe, que garantiu a menor taxa de mortalidade infantil da década, o menor índice de gravidez na adolescência desde 2011, além do alto acompanhamento pré-natal trabalhado pela equipe da Secretaria Municipal de Saúde.

 

Outros esforços exercidos pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal da Educação (Semed), são observados em iniciativas exercidas no combate contra a evasão escolar e insegurança alimentar, na contratação de professores, na requalificação e climatização de escolas e creches, e na distribuição de uniforme e material didático aos alunos da rede. Ainda segundo Quitéria, “tudo o que vier é muito bem-vindo. Todo programa que vier ajudar São Cristóvão a cuidar de suas crianças e seus jovens nós abraçaremos com o maior prazer”.

 

Quitéria de Barros, secretária de educação

 

Agentes centrais

 

A secretária de assistência, Lucianne Rocha, comenta que as políticas de assistências são necessárias para auxiliar no desenvolvimento da criança, seja por meio do serviço de convivência ou por programas de benefícios que ajudam famílias a superarem situações de violência e vulnerabilidade. "Se trabalharmos com a primeira infância, temos certeza que nas idades posteriores teremos um grupo de crianças e adolescentes com um desenvolvimento muito melhor”, explicou.

 

Lucianne Rocha, secretária de assistência

 

Já a secretária de saúde, Fernanda Santana, destacou o papel da saúde na primeira fase de vida de uma criança: “A criança de São Cristóvão não é apenas do município, mas sim do estado de Sergipe, assim como todas as crianças do estado e do país. Por isso, é preciso que exista uma política pública voltada a esse público para que eles cresçam com todas as seguranças e garantias de um desenvolvimento saudável, completo, resguardando a sua condição sujeita de direito”, completou. 

 

Fernanda Santana, secretária de saúde

 

Fotos: Dani Santos