Prefeitura lança programação oficial do 37° Festival de Artes de São Cristóvão

09/11/2022 - 15:00 Atualizado há 1 hora



Celebrando 50 anos de liberdade, resistência e diversidade, o Festival de Artes de São Cristóvão (FASC), teve sua programação divulgada nesta quarta-feira (09), durante coletiva de imprensa realizada no Paço Municipal. O evento, que é uma realização da Prefeitura de São Cristóvão, por meio da Fundação Municipal de Cultura e Turismo João Bebe-Água (Fumctur), acontece de 01 a 04 de dezembro. Clique aqui para conferir a programação completa. 

 

O momento contou com a apresentação do grupo Pífano de Pífe, uma das atrações que estarão no evento

 

Considerado um dos maiores festivais gratuitos de arte e cultura do Norte/Nordeste o FASC chega a sua 37ª edição neste ano e reunirá 134 atrações das mais diversas vertentes artísticas. Destas, 115 são sergipanas, 25 sancristovenses e uma atração internacional. Separada em praças temáticas, a cidade de São Cristóvão será tomada por apresentações de cortejos de grupos afro, folclóricos e percussivo pelas ruas, além dos palcos de teatro e dança, dois palcos de shows, salões de artes visuais, salão de literatura, salões de oficinas como fotografia, desenho, poesia, bordado, circo, oficinas e cinema.

 

Toda programação será distribuída em locais públicos, organizados de forma a garantir acessibilidade e sustentabilidade gratuitamente em todo o centro histórico e outros pontos da cidade. Para este ano, o investimento é de aproximadamente R$ 3,5 milhões de reais, e a expectativa é que cerca de 30 mil pessoas circulem diariamente pelas ruas da Cidade Mãe de Sergipe, fomentando a geração de emprego e renda para os munícipes. 

 

Nas palavras do Prefeito Marcos Santana, o FASC é sobretudo um ato de resistência. “Não é um evento fácil de se fazer, mas isso não nos detém da vontade de continuar fazendo o FASC, de que tenhamos por todas as ruas, vielas e praças de São Cristóvão arte por toda parte. Eu quero que venha muita gente para que nós continuemos resistindo, e refletindo a vida dos jovens e adolescentes de hoje a partir das manifestações artísticas e é isso que nós estamos fazendo, formando plateias que é um dos principais objetivos do FASC”, explicou.

 

Prefeito Marcos Santana

 

Para a presidenta da Fumctur, Paola Santana, é sempre um grande prazer realizar o festival mais importante da Cidade Mãe de Sergipe. “Nós conseguimos retomar o evento e o mínimo de normalidade da nossa rotina de vida, então essa é uma edição que foi muito esperada pela população e por nós que somos da gestão. Tentamos acolher o máximo de vertentes, tribos e programações diferenciadas para fazer jus aos 50 anos de FASC”, disse.

 

Paola Santana, presidenta da Fumctur

 

Novidades

 

Além da grande programação com artistas renomados como Alceu Valença, Diogo Nogueira e Daniela Mercury, o FASC contará com algumas novidades para a edição especial de 50 anos, a exemplo do Dia da Consciência Negra e o Dia Municipal do Hip Hop, que serão celebrados dentro da programação. No dia 01 de dezembro acontecerá o cortejo afro, com lavagem da escadaria da Igreja do Rosário dos Homens Pretos, shows musicais e feira do empreendedor negro. Já no Largo do Rosário serão realizados shows com artistas do hip hop.



Outras novidades são as celebrações pelo Dia Nacional do Samba, que é comemorado na sexta, dia 02 de dezembro, enquanto no sábado, 03, o FASC contará pela primeira vez com o Cortejo dos Mestres do Forró de Sergipe, que reunirá grandes nomes do forró do Estado. 

 

No Salão Literário ocorrerá uma roda de conversa com o produtor musical Paulo André Pires, fundador do Abril Pro Rock, um dos mais importantes festivais do calendário brasileiro de música. O produtor vem ao FASC lançar o livro Memórias de um Motorista de Turnês, que é uma homenagem aos 30 anos do Manguebeat, celebrados este ano. O Salão Literário também celebra o centenário de dois importantes nomes da cultura sancristovense e sergipana: Manoel Ferreira, grande poeta de São Cristóvão, e João Oliva, um dos criadores do FASC, serão temas de rodas de conversas.

 

Realização

 

O FASC é uma realização da Prefeitura de São Cristóvão, e neste ano conta com o patrocínio da Celi, Coca-Cola e Tiger. O apoio fica por conta da Fecomércio, Universidade Federal de Sergipe, Governo de Sergipe, Vitória Transportes, Thalu, Jaguar e RR Conect.

 

Fotos: Dani Santos