Parceria entre Semap e IFS fomenta atividades em comunidades rurais de São Cristóvão

25/03/2022 - 17:04 Atualizado há 1 dia



Na manhã desta sexta-feira (25), a Prefeitura de São Cristóvão, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, Agricultura e Pesca (Semap), participou de uma ação coletiva junto ao IFS São Cristóvão. A ação faz parte da jornada pedagógica feita pelo Instituto, em parceria com a Prefeitura, a fim de promover a construção de projetos integradores e de extensão no município.

 

De acordo com o secretário da Semap, Edmilson Brito, essas atividades com o IFS eram uma determinação do Prefeito Marcos Santana e que agora se estreitam cada vez mais, pois além de trazer os professores para conhecer a Cidade Mãe de Sergipe, essa participação também agrega valor aos agricultores locais.

 

“Com essa visita técnica, podemos ver quais projetos podem ser desenvolvidos para dar um suporte maior aos agricultores. Temos uma ação em mente com a equipe da aquicultura e agora queremos expandir levando todo o departamento para o nosso município”, explicou o secretário.

 

Edmilson Brito, secretário da Semap

 

Para o coordenador da Semap, Anderson Cardoso, é importante ter atividades junto às comunidades sancristovenses, aproveitando que o IFS é localizado dentro do município e auxiliar um serviço técnico profissional. “Nossa cidade possui potencial tanto na agricultura como na pesca, entre outras áreas. Então quanto mais apoio das instituições federais e a realização de projetos especializados tivermos, mais nós podemos desenvolver esse potencial e fazer a cidade crescer”, disse.

 

Anderson Cardoso, coordenador da Semap

 

O evento contou com oficinas pedagógicas junto aos professores do IFS de áreas como agropecuária, aquicultura, agrimensura, alimentos e informática em diversos pontos de São Cristóvão. Para Aristela Arestides, pedagoga da instituição, ter o apoio da Prefeitura nessas atividades possibilita a criação de convênios educativos no município. “Identificamos que dentre as obras que já estão sendo desenvolvidas, o IFS juntando com o conhecimento acadêmico pode fazer essa parceria de conhecimento e ajuda mútua”, comentou.

 

 Aristela Arestides, pedagoga do IFS SC

 

Parceria nas comunidades

 

Uma das visitas técnicas foi no Assentamento Florestan Fernandes, localizado no Povoado Rita Cacete, com a equipe pedagógica das turmas de agropecuária, agroecologia e biologia do IFS. Lá, eles puderam conhecer e observar um pouco das propriedades existentes no local, além de firmar parcerias com a comunidade da região.

 

 

 

Segundo Carolina Nabuco, servidora do IFS, a intenção da atividade é “ajudar comunidades carentes que precisam de apoio, proporcionando conhecimentos técnicos para auxiliar na produção feita pelas famílias”, declarou.

 

Carolina Nabuco, servidora do IFS SC

 

Já Edilson Ribeiro, professor de agropecuária, expressou as probabilidades de trabalho dentro do Assentamento: “Essa região tem grande potencial, tanto para ser trabalhada em aquicultura como também com a parte de jardinagem na produção de mudas. O grande problema da agricultura é água e aqui vocês têm, tendo água nós temos tudo”, falou.

 

Edilson Ribeiro, professor de agropecuária do IFS SC

 

Representando a comunidade, a secretária da Associação de Cooperação Agrícola Florestan Fernandes 2, Kátia Maria, considera a ação de grande valia para os moradores. “Nós somos agricultores, cuidamos da plantação e dos animais, e o que vier para melhorar o desenvolvimento dessa agricultura será muito bem-vindo”, concluiu.

 

Em pé, a secretária secretária da Associação de Cooperação Agrícola Florestan Fernandes 2, Kátia Maria

 

Fotos: Heitor Xavier e Lucas Valdomiro