Marcos Santana é recebido pela ministra da Cultura, Margareth Menezes, para discutir sobre o Fasc 2023

30/05/2023 - 12:37 Atualizado há 1 dia



O prefeito de São Cristóvão, Marcos Santana, se reuniu com a ministra da Cultura, Margareth Menezes, na última segunda-feira (29), em Brasília. Na pauta do encontro, a 38ª edição do Festival de Artes de São Cristóvão (Fasc), que será realizado nos dias 1, 2 e 3 de dezembro.



“Tratamos do Festival de Artes de São Cristóvão. Foi um encontro para apresentar o Fasc e pleitear junto ao Ministério o apoio necessário para a realização do Fasc. A ministra se mostrou muito disposta a caminhar naquilo que está dentro das competências e possibilidades do Ministério da Cultura”, disse o prefeito Marcos Santana. 



Durante o encontro, o prefeito aproveitou para convidar oficialmente a ministra para participar da edição do evento que neste ano celebra 51 anos de história. “Margareth se apresentou no Fasc de 2017 e o show foi um grande sucesso. Dessa vez seria uma honra contar com presença da ministra na abertura do Festival”.  


 

Também presente no encontro, a diretora-presidenta da Fundação Municipal de Cultura e Turismo, Paola Santana, falou sobre a importância do Festival para a cidade. “O Fasc mobiliza não somente artistas, mas toda uma rede de profissionais. Durante os dias de Festival, do pequeno ao grande comerciante, todo mundo trabalha em função do Fasc. Além de arte por toda a cidade, o Festival  movimenta a economia de maneira muito forte”.



O Festival



O Fasc foi iniciado nos anos 1970, e serviu de palco para grandes artistas sergipanos e nacionais, para que pudessem expressar suas produções artísticas nas mais diversas modalidades. O evento foi descontinuado em 2005 e retornou em 2017, com a gestão de Marcos Santana, resgatando a proposta dos antigos festivais e reacendendo a programação cultural da Cidade Mãe de Sergipe.

 

 

Em 2022, dois anos após pausa por conta da pandemia de Covid-19, o Festival retornou ao formato presencial trazendo nomes como Emicida, Daniela Mercury e Alceu Valença. Para 2023, ano que celebra 51 anos de existência, a expectativa é que mais de 50 mil pessoas circulem diariamente pelas ruas históricas de São Cristóvão.



Fotos: Felipe Araújo