Estação de Tratamento de Água (ETA) do Rio Comprido sofre ato criminoso

13/08/2020 - 13:57 Atualizado há 2 dias



Na madrugada desta quinta-feira (13), quatro homens fortemente armados e encapuzados invadiram a Estação de Tratamento de Água (ETA) do Rio Comprido, no povoado Rita Cacete, em São Cristóvão. Na ocasião renderam a pessoa que estava vigiando os equipamentos. Os bandidos levaram pertences pessoais, cabos, transformadores e também destruíram os painéis das bombas. O ato criminoso vai atingir diretamente mais de 30 mil pessoas, que dependiam deste sistema para terem água em suas casas. Desta forma, os moradores do Alto da Divinéia, Irineu Neri (Apicum), Centro Comercial, Alto do Santo Antônio, Colônia Pintos e Colônia Miranda ficarão com o abastecimento comprometido momentaneamente.

 

A prefeitura e o SAAE já entraram em contato com a polícia de São Cristóvão, e na ocasião fizeram um boletim de ocorrência. O caso passará a ser investigado. O prefeito Marcos Santana, considerou o fato suspeito e pediu aos policiais o máximo possível de celeridade na averiguação. Enquanto isto, a prefeitura e o SAAE estão tomando todas as providências para que o abastecimento de água seja retomado o quanto antes.

Fotos: Erna Barros

 

Mais informações serão divulgadas nas próximas horas.