Escolas de São Cristóvão passam por requalificação durante a suspensão das aulas devido ao covid 19

03/06/2020 - 13:00 Atualizado há 1 hora



Com a suspensão das aulas por conta da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura de São Cristóvão mantém o cronograma de requalificação na infraestrutura e climatização das salas de aula nas escolas do município. A EMEF Raimundo Francisco no Luiz Alves já teve as suas obras concluídas. As EMEF Josinalva Santos no Rosa Maria e a EMEF João Francisco de Andrade no Loteamento Lauro Rocha tiveram os serviços acelerados.

“A educação de São Cristóvão passa por uma transformação e estamos garantindo espaços mais adequados para o aprendizado. Estamos trazendo respeito para quem estuda e para os profissionais que trabalham em nossas escolas. Nós entendemos que a educação é fator fundamental para a transformação da sociedade, por isso, não paralisamos as reformas nesse período de pandemia. Assim que for possível e seguro, nossas crianças e jovens retornarão às escolas e as encontrarão mais confortáveis”, enfatizou o prefeito Marcos Santana.

Marcos Santana

Com um total investido de aproximadamente R$ 3 milhões, a readequação de espaços escolares tem sido uma das prioridades da gestão municipal. Um total de 15 escolas já passou por todo esse processo, que inclui climatização das salas, área de lazer, forro, revestimento, ampliação de cozinha para melhor armazenamento da merenda, revisão elétrica e hidráulica, pintura na área interna e externa, iluminação de Led.

 

A secretária municipal de Educação, Quitéria de Barros, falou sobre o trabalho desenvolvido. “As obras de qualificação são consequência de um projeto que quer acolher cada vez melhor a comunidade. Nós entendemos que a escola não é apenas um lugar onde se dá o processo de ensino e de aprendizagem, mas é, também, onde acontece a organização social da comunidade”, observou.

Fotos: Dani Santos.