Campanha do Dia Internacional da Mulher da Prefeitura de São Cristóvão destaca mulheres inspiradoras do município

08/03/2021 - 17:21 Atualizado há 13 horas



“O que pode e o que não pode já não coisa que se diga a uma mulher. Ainda lutamos, mas hoje não é uma questão de poder ou não. É de mostrar que podemos”.

 

Citada pela atriz Isabel Santos, a frase acima dá início ao vídeo da campanha da Prefeitura de São Cristóvão para este 8 de março, Dia Internacional da Mulher. Intitulada “Elas Inspiram”, a campanha retrata a força de dez mulheres sancristovenses que, através das suas vivências, desempenham papéis de referência para outras mulheres da Cidade Mãe de Sergipe. Seja no artesanato, no comércio, na agricultura ou como líder comunitária, elas mostram diariamente que são protagonistas de suas histórias.

 

Idealizada pela Secretaria Municipal de Assistência Social e do Trabalho (Semast), a campanha é composta por um vídeo, que pode ser acessado nas redes sociais da Prefeitura, e por uma exposição itinerante, que neste momento ocupa os corredores da sede do Paço Municipal.

 

Confira o vídeo

 

De acordo com a secretária Lucianne Rocha, a campanha faz parte de uma série de ações realizadas pela Semast que visam o fortalecimento da rede de apoio à mulher de São Cristóvão. Exemplos disso é o projeto Papo de Mulher, o trabalho realizado pelo Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas) no que diz respeito à proteção das mulheres, e a parceria com a Delegacia de Atendimento Grupos Vulneráveis (DAGV), que deve ser instalada esse mês na cidade.

 

“Dentro de várias ações, nós vamos identificando as mulheres que fazem uma diferença muito grande na história do município. Mulheres que são referências em suas comunidades, que tem um poder de articulação, de afetividade e que consegue através do seu trabalho e do seu cuidado inspirar diversos outros atores, que veem aquela mulher como uma pessoa que transforma, que tem a capacidade de transformar. As mulheres que fazem parte da campanha são mulheres que a gente conhece a história, que sempre estiveram na caminhada e que fortalecem outras mulheres”, explica a secretária da Semast.  

 

 

 

Ainda de acordo com a secretária, no âmbito da campanha estavam sendo planejadas a partir desta segunda-feira, 8, algumas ações, mas por conta do agravamento da pandemia elas foram suspensas. Dentre as atividades que estavam programadas estão a abertura da exposição com homenagens às mulheres sancristovenses, e para o dia 11, estava prevista uma roda de conversa para discutir a Lei Maria da Penha como instrumento de proteção das mulheres. Além delas, também estava no cronograma uma série de debates com outros órgãos para discutir o papel do poder público no auxílio à mulher. 

 

 "São ações que fazem referência ao Dia Internacional da Mulher, mas são discussões que precisam ser feitas permanentemente. Diante do contexto da Covid-19, iremos deixar essas atividades suspensas e assim que puder nós iremos executá-las", declara a secretária. 

 

 

Secretária Lucianne Rocha

 

Para Maria Helena Fortes, diretora de Programas Especiais da Semast, as mulheres que participam da campanha tem em comum a força de tornar São Cristóvão melhor. “Elas conseguem mobilizar outras mulheres da cidade. Mesmo com todas as dificuldades elas fazem a diferença nas suas comunidades. Elas são líderes de suas comunidades, que trabalham com o objetivo de construir uma cidade melhor”, afirma.

 

Ela destaca que toda equipe da Semast se dedicou na busca por essas histórias, para que cada sancristovense se sentisse representada neste dia. Segundo ela, o tipo de conteúdo exibido tanto no vídeo quanto na exposição sensibiliza e fortalece outras mulheres. “Esse tipo de ação mobiliza, traz força, empoderamento. Trabalha dentro de cada uma delas e reflete no exterior, não só na forma de pensar, mas também na forma de agir, de sentir, de se colocar frente às situações”, acredita.

 

Maria Helena Fortes, diretora de Programas Especiais da Semast

 

Participam da campanha as seguintes mulheres:

Yonara Santos Rocha – Empreendedora

Josefa Bispo dos Santos – Universitária

Maria Gilda Alves – Agricultora Familiar

Madalena da Ilha Grande – liderança comunitária

Maria do Carmo Batista – Sociedade Civil Organizada

Josefa Santos de Jesus – Empresária da Gastronomia

Maria Lucia dos Santos – Marisqueira

Raissa Oliveira Ribeiro – Serviços Gerais

Simone Gonçalves - Artesã

Rivalda Santana Santos – Empreendedora

 

Fotos: Dani Santos