Artista plástico inicia a instalação de painel contemplado pela Lei Aldir Blanc em São Cristóvão

07/06/2022 - 15:39 Atualizado há 2 horas



O artista plástico sancristovense Nivaldo Oliveira iniciou nesta terça-feira (07) a instalação de um painel na entrada da sede do munícipio. Esse é mais um projeto contemplado pelo edital da Lei Aldir Blanc no município.

 

São 35 peças esculpidas em cimento que compõem o painel representando os folguedos e manifestações culturais de São Cristóvão, em cima dessa base ainda vem a parte de pintura para manter o estilo de xilogravura que é a marca do artista.

 

Nivaldo Oliveira explica que é uma escultura de ferro, colocada numa forma e depois feito o trabalho artesanal. “Essa peça é como se fosse esculpida, como se fosse entalhada, o cimento ganha um certo ponto e eu vou tirando parte por parte e vou trabalhando dentro do desenho do projeto. Fiz um desenho base e separei por peça”, esclarece ele.

 

Nivaldo Oliveira, artista plástico

 

O desenho tem como matriz as xilogravuras com figuras das manifestações culturais, regionais e ao final ficará em preto e branco – policromático. O resultado será um belo painel com 35 peças trabalhadas num espaço que permite uma amplitude visual.  A pretensão e aposta do artista é que no futuro o painel seja um cartão postal da cidade, um ponto para o turista chegar e fazer uma foto. Sua ideia é trazer mais um ponto de beleza, mais um patrimônio imaterial da cidade.

 

“Essa ideia de um painel é um sonho, uma vontade de criar um objeto com uma certa estrutura, com um certo volume dentro da cidade, se vocês perceberem a cidade é histórica, mas ela precisa de elementos assim para se compor, para se decorar, não só o barroco, não só as igrejas, mas outros elementos. Eu espero que a partir desse venha outras coisas dentro da própria cidade”, disse o artista sem esconder a empolgação.

 

 

O trabalho de instalação do painel esculpido em duas dimensões deve ser concluído até o fim desta semana.

 

Fotos: Heitor Xavier